BOLETIM DE OCORRÊNCIAS

domingo, 7 de outubro de 2012

Polícia Militar já prendeu cerca de 160 pessoas por boca de urna


Flagra: distribuição de santinhos ao lado de policias militares
Flagra: distribuição de santinhos ao lado de policias militares 
A Polícia Militar já prendeu quase 160 pessoas suspeitas de promoverem boca de urna no Estado do Rio. Segundo a assessoria de imprensa da corporação, foram 140 detidos na Região Serrana do Estado, 11 em Macaé e seis no Engenho Novo, no Rio. Também foram feitas prisões na Rocinha, na Zona Sul da cidade, mas o número não foi informado. Os detidos estavam com material de campanha de candidatos a vereador, o que é considerado crime eleitoral.
Nesta manhã, por toda a cidade foram feitos flagrantes da distribuição de santinhos e panfletos. Num deles, policiais militares faziam o policiamento ao lado da pessoas distribuindo santinhos.
Em outro flagra, um carro de som faz propaganda
Em outro flagra, um carro de som faz propaganda 
Segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), quem for flagrado cometendo algum crime eleitoral será encaminhado para locais pré-definidos, será levado para a delegacia para que seja registrado o fato e ficará lá até o fim da votação, às 17h. A recomendação é para que a pessoa autuada já saia da delegacia com o dia da audiência preliminar sobre o caso.
Vale lembrar que é proibido usar camiseta de candidatos. O eleitor que vestir a peça estará sujeito à prisão por propaganda irregular. Só é possível usar broches, adesivos e bandeiras, pois são consideradas manifestações silenciosas.
Se a pessoa chegar com a camisa de um candidato à seção eleitoral, deverá tirá-la para votar e depois será encaminhado a algum dos lugares pré-definidos em cada município.



Leia mais: http://extra.globo.com/noticias/brasil/eleicoes-2012/policia-militar-ja-prendeu-cerca-de-160-pessoas-por-boca-de-urna-6312995.html#ixzz28ch1U5iZ

Nenhum comentário:

Postar um comentário