BOLETIM DE OCORRÊNCIAS

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Falsos fiscais da Cedae são presos em Itaguaí


Fábio Alexandrino dos Santos e Leandro da Silva Ancelmo foram presos em flagrante na tarde desta terça-feira (13), suspeitos de tentar aplicar um golpe em um hotel de Itaguaí. De acordo com a polícia, a dupla foi até o estabelecimento localizado no bairro Monte Serrat se passando por fiscais da Cedae.

Chegando ao local, os suspeitos argumentaram que foram fazer uma vistoria no sistema de abastecimento de água. Naquela ocasião, os supostos fiscais questionaram quantos pontos de água o hotel tinha. O gerente foi quem acompanhou todo o prosseguimento e respondeu que o hotel possui três poços artesianos. Nesse momento, um dos suspeitos disse para o gerente que o hotel estava “totalmente irregular” por que deveria ter um ponto de água fornecido pela Cedae.
Em meio à suposta vistoria, os falsos fiscais disseram quer iriam elaborar um relatório na qual seria encaminhada a direção da Cedae. Contudo, tal procedimento seria acobertado se o hotel pagasse a dupla o valor de R$ 10 mil. O gerente desconfiou e alegou que não tinha como pagar a quantia proposta.
Os suspeitos, por sua vez, trataram de baixar o valor para R$ 2 mil afim de que o impasse fosse resolvido. Em seguida ficou combinado que os mesmos receberiam a importância de R$ 1 mil e o restante seria recebido em outro dia. Mais uma vez o gerente desconfiou e resolveu procurar a Cedae para denunciar a atitude dos supostos fiscais. Para a sua surpresa o gerente foi informado que os mesmos já não faziam mais parte do quadro de funcionários da empresa.
Já sabendo que se tratava de um golpe, o gerente resolveu acionar a Polícia Militar. Foi montado um esquema quando os suspeitos fossem recolher a outra parte do combinado. Momentos depois de a negociação ter sido concluída, policiais militares do 24° (Queimados) conseguiram interceptar os falsários que foram presos em flagrante ainda nas imediações do hotel. Eles foram encaminhados para a 50ª DP (Itaguaí) onde foram autuados por estelionato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário